Artboard 33atençãoArtboard 18atualizarconectividadeArtboard 42boletocarrinhocartãoArtboard 45cartão SaraivacelularArtboard 42Artboard 23checkArtboard 28Artboard 17?compararcompartilharcompartilhar ativoArtboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47ver-detalhesArtboard 15Artboard 32ebookArtboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11fecharfilmesArtboard 23gamesArtboard 4Artboard 9Artboard 6hqimportadosinformáticaArtboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44curtirArtboard 24Artboard 13livrosArtboard 24Artboard 31menumúsicaArtboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44outrospapelariaArtboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35estrelaestrela ativorelógiobuscaArtboard 50Artboard 26toda saraivaArtboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37usuárioArtboard 46Artboard 33Artboard 8seta

Resultados para: livros de bolso

4 produtos
  • Livro do Desassossego - Ed. De Bolso

    Pessoa,Fernando
    (1390992)

    O narrador principal das centenas de fragmentos que compõem este livro é o 'semi-heterônimo' Bernardo Soares. Ajudante de guarda-livros na cidade de Lisboa, ele escreve sua 'autobiografia sem factos', sem encadeamento narrativo claro e sem uma noção...

  • Poemas de Álvaro de Campos - Col. Saraiva de...

    Pessoa,Fernando
    (4091001)

    Álvaro de Campos, português formado em Engenharia, na Escócia, é um dos heterônimos de Fernando Pessoa. É autor, entre outros poemas, de “Tabacaria” e das “grandes odes” — obras que, mesmo arrebatadas pela energia da civilização moderna, instauram o...

  • Antologia Poética - Fernando Pessoa - Col....

    Pessoa,Fernando
    (3649441)

    Esta Antologia poética de Fernando Pessoa reúne alguns dos poemas mais importantes da obra pessoana. Do ortônimo — chamado também Fernando Pessoa, ele mesmo, mas nem por isso a representação fiel da figura civil de Fernando Pessoa — aos heterônimos,...

  • Poesia Completa de Ricardo Reis - Ed. De...

    Pessoa,Fernando
    (1983424)

    Ricardo Reis foi o segundo heterônimo criado por Fernando Pessoa, depois de Alberto Caeiro e antes de Álvaro de Campos — e é o mais clássico de todos eles. Suas odes refletem um espírito rigoroso, que defendia a ausência de desejos e o autodomínio...

Busca por